segunda-feira, junho 11, 2007

E o aborto continua...


Nós últimos meses existe uma calorosa discussão acerca da legitimação do aborto. A população Brasileira se divide em estatísticas, credos e morais quando o assunto entra em evidência. É muito difícil, para um ser humano, decidir sobre a vida do outro, por mais que este esteja apenas com 1 semana de formação, e que seja ou não já considerado mais um ser vivo.


Os argumentos mais cabíveis em relação a sua legitimação se adequam ás questões de sobrevivência materna, tanto na questão física, como mental e financeira. Apesar de vivermos em um país onde há orgãos de saúde responsáveis por campanhas para o uso de contraceptivos, percebemos que ainda existe uma grande parcela da população de mulheres que, por talvez falta de instrução, dinheiro ou até bom senso, acabam caindo nas estatísticas de mães precoces , de gravidez indesejada e/ou irresponsável.


No entanto, precisamos também citar o lado mais sério do assunto. O artigo brasileiro 128 do Código Penal dispõe que o crime de aborto é impunível nas seguintes hipóteses:
1.Quando não há outro meio para salvar a vida da mãe;
2.Quando a gravidez resulta de estupro.

Segundo as leis, deixa-se bem clara a posição do governo em relação aos abortos, mas será que essa ilegalidade realmente garantirá a segurança das mulheres, que, apesar de não se enquadrarem nesse perfil de legalidade, ainda fazem aborto?


Essa resposta é entendida por maioria da população Brasileira que não se aplica à segurança feminina. Muitas dessas vão para consultórios improvisados, verdadeiros "abatedouros" no desespero de livrar-se de um destino que muitas vezes elas não quiseram.


Sabe-se também muito bem que maioria dos argumentos anti-aborto saem de religiosos e moralistas, que tentam de qualquer forma, legitimar argumentos em um estado laico. Não estou contestando nenhuma posição religiosa, porém, em um governo democrático e plural, não podemos sequer impor valores religiosos ou morais que não tenham a ver com o que é conveniente para boa parte da população. Apesar disso, vê-se crucifixos no plenário e governadores abolindo a teoria Darwiniana em prol do creacionismo cristão.


É notório refletir o impacto que a legalidade do aborto garantirá para o nosso país. Ao invés de clínicas ilegais, estes casos serão tratados em hospitais. Ao invés de cobrir com a cortina da moralidade, família e religião, caberá ao indivíduo a escolha de criar outra vida. E, certamente, o estado não tem mais como sustentar crianças de rua e em orfanatos em grande número, até porque sabemos que a adoção é também outro processo bastante burocrático.



8 comentários:

Manu disse...

Ótimo artigo Luke!!
Parabéns!
Concordo q a decisão não cabe aos moralistas de plantão nem ás autoridades e sim a mulher (burra) q engravidou indesejadamente ou irresponsávelmente.

Vamos ouvir muito lero lero acerca desse assunto!
=D

Tá demais viu ??
fells queremos " Algum paetê no top" huhuhu

Monsieur Coçard disse...

realmente é um assunto muito complexo e ultrapassa os limites de uma mesa de bar e faz toda uma nação refletir quando é proposto a dicussão num pleibiscito... eu gostaria de ver isso sendo votado aqui... apesar de concordar discordando do aborto...

abraços

Sou mais EU! disse...

eu sou a favor da legalização, mas sou contra o aborto. Apesar de contraditória minha opinião tem um pq, eu engravidei acidentalmente, encarei de frente e tive minha filha, considerei o aborto e desconsiderei, o assunto de forma alguma deve ser levado de forma banal, e é claro deve haver um controle, pq senão haverão mulheres fazendo aborto a cada dois meses.

Pankwood disse...

Olha, uma mulher quando quer fazer o aborto ela vai e faz, é só comprar o Citotek lá na vendinha da esquina. O que ela não sabe é que isso pode prejudicar sua vida para sempre ou até mesmo matá-la. Eu sou a favor da legalização do aborto, pois assim o Estado poderia estar auxiliando melhor essas mulheres, talvez um piscólogo ajudaria, uma boa conversa salvaria uma vida ! Se a mulher estiver realmente decidida a fazer o aborto teria o apoio do Estado, até porque, como eu já disse, senão for feito isso ela vai ali e enfia uma agulha de tricô e pronto.

Wagner disse...

É um assunto delicado, mas concordo com a lei que você colocou...

No entanto, precisamos também citar o lado mais sério do assunto. O artigo brasileiro 128 do Código Penal dispõe que o crime de aborto é impunível nas seguintes hipóteses:
1.Quando não há outro meio para salvar a vida da mãe;
2.Quando a gravidez resulta de estupro.

Culpada! Como qualquer mortal... disse...

adorei o texto!


axei seu blog fuçando o da manu ahsuahaa


sou totalmente a favor do aborto, axo q moralidade não cabe nessa hora ^^

teresa disse...

Eu sou contra o aborto em qualquer circunstância.
até nessas aí do código penal.
primeiro pq matar uma criança, que ainda nem nasceu, para salvar a vida de uma mãe que já viveu muito é égoísmo.
segundo porque se a mulher for estuprada, é só tomar a pílula do dia seguinte.
terceiro pq o aborto pode deixar a mulher estéril e é um risco para a saúde.
sou contra a descriminalização do aborto.

Anônimo disse...

SEVEN: NA MINHA OPINIAO E O SEGUINTE, AS PESSOAS SAO A FAVOR DO ABORTO PORQUE UMA MULHER DESCIDIU NAO MAIS TER AQUELA CRIANÇA QUE ESTA EM SEU VENTRE, ENTAO POR DESCISAO DELA,ELA SIMPLISMENTE O ABORTA CORRETO? SO Q EXISTE UM OUTRO LADO, AQUELA VIDA QUE ESTVA DENTRO DAQUELE UTERO NAO TEVE ESCOLHA DE VIDA POR NAO PODER DESCIDIR SE IRAI VIVER OU NAO,UMA PESSOA DESCIDIU PRO ELA QUE ELA NAO IRIA MAIS VIVER, ENTO EU PERGUNTO A TODOS OS QUE DIZEM QUE A VIDA E UM DIREITO DE TODOS? PARA ONDE FOI O DIREITO DAQUELE FETO Q NAO PODE DESCIDIR VIVER OU MORRER? CHEGA A SER UMA VERGONHA ALGUEM DISER QUE E A FAVOR DO ABORTO.
ANTES DE VCS FALAREM QUE SAO A FAVOR DO ABORTO LEMBRE-SE VC SAIRAO DE UMA MULHER QUE PODERIA TER TE ABROTADO SO POR NAO QUER VC... NAO SE ESQUEÇA.E ISSO E SEM COMENTAR QUE UM DIA TODOS CHEGAREMOS DIANTE DAQUELE QUE IRA JULGAR TANTO GRANDE COMO PEQUENOS, UM QUE NAO TERA PENA DE NENHUM DAQUELES Q NAO TIVERAO PENA DOS INECENTES. Q VC SE CONCIENTIZE ANTES DE IR A FAVOR DO ABORTO OU ATE FAZER , POR QUE TODAS AS VIDAS SAO DAQUELE QUE AS CRIOU ( DEUS, O TODOS PODEROSO) QUE O SENHOR TEMNHA PIEDADE DE VCS ANTES DO ABORTO POIS DEPOIS NAO TERA COMO VOLTAR ATRAZ DIANTE DOS OLHJOS DAQUELE QUE TUODO VÊ...